Portal Manhuamirim

Economia

30/10/2019

Palestra explica funcionamento do Cartório de Protesto em Manhumirim

MANHUMIRIM (MG) - Acontece no dia 31/10, quinta-feira, 19 horas, no auditório da Associação Comercial de Manhumirim (ACIAMA) uma palestra gratuita sobre o funcionamento, vantagens e serviços oferecidos pelo Cartório de Protesto.

O evento é aberto ao público e a palestra será ministrada pelo Sérgio Coelho Portes, tabelião substituto do Cartório de Protesto de Manhumirim.

Desde janeiro, quem opta pelo protesto extrajudicial em Minas Gerais não precisa desembolsar qualquer quantia para cobrar, via cartório, uma dívida não paga. A lei Nº 23.204 transferiu os custos relativos ao protesto para o devedor, que deverá quitá-los no ato do pagamento do débito.

A mudança foi benéfica para o cidadão, pois abre uma nova possibilidade de cobrança legal e sem custos, para quem precisa receber uma dívida não paga. Segundo Sérgio, a nova norma veio facilitar o processo, principalmente, para quem já estava com o orçamento comprometido devido à falta de um pagamento que era esperado e também para quem depende desses valores para conduzir seus negócios.

Sérgio acrescenta que o protesto extrajudicial é um meio eficaz, seguro e rápido para recuperar um crédito, enquanto o processo por meio da justiça é demorado e tem custo alto, já que envolve outras despesas. Por meio do protesto o devedor é intimado a pagar a dívida, o que agiliza ainda mais o processo de recebimento do valor cobrado.

Conforme dados do setor, mais de 65% dos títulos são reavidos em Minas Gerais em até três dias úteis, prazo que o devedor tem para quitar um débito ou negociá-lo com o credor.

A palestra em Manhumirim vai apresentar todos os detalhes de como fazer o protesto, quais documentos necessários e quem pode utilizar os serviços.

SERVIÇO

DATA 31/10/2019

19 horas

Local: Sede da ACIAMA - Rua Trajano Lima, 46 – 2º andar, Centro de Manhumirim.