Portal Manhuamirim

Agronégocios

05/07/2016

Técnicos participam de capacitação sobre pós-colheita do café

VIÇOSA (MG) - Os cuidados com a pós-colheita são uma tendência cada vez maior para a produção de cafés diferenciados de alta qualidade, gerando uma alternativa para o produtor agregar valor ao seu produto e aumentar sua rentabilidade. Na Região das Matas de Minas, a preocupação em ampliar o conhecimento sobre os cuidados nessa fase é fundamental.

Nesse sentido, técnicos que integram a Rede de Referência participaram de uma treinamento nesta quinta-feira, 30/06, em Viçosa.

A produção de cafés com a qualidade da Região das Matas de Minas depende principalmente de um planejamento eficaz de cada etapa da cadeia produtiva do café. Dentre elas, a pós-colheita se destaca como uma das mais importantes, incluindo nessa etapa as fases de processamento, secagem, beneficiamento, e armazenamento do café.

A Rede de Referência atua na disseminação do conhecimento e dos padrões de cultivo e beneficiamento para atingir os padrões de cafés de qualidade superior.

Durante a manhã, os técnicos participaram de uma reunião na EPAMIG e, logo após, visitaram a propriedade do cafeicultor Edson Alemão, observando o processo e as instalações utilizadas na pós-colheita.

Durante a tarde, o grupo esteve na propriedade do cafeicultor Marcelo Ribeiro, também com o objetivo de conhecer os procedimentos adotados na fazenda.

O grupo conheceu ainda instalações do Departamento de Engenharia Agrícola da UFV (Universidade Federal de Viçosa) e obteve informações sobre a atuação junto ao setor cafeeiro.

O grupo foi orientado pelos Pesquisadores da Epamig Sérgio Donzeles e Marcelo Freitas Ribeiro, o Pesquisador da Embrapa Café Sammy, o bolsista da Embrapa Café Prof. Juarez Sousa e Silva – Bolsista da Embrapa Café e o professor  José Luis Rufino – Superintendente do Centro de Excelência do Café.

Assessoria de Imprensa