Portal Manhuamirim

Geral

30/07/2018

Seminário de Estudos do Método APAC em Manhumirim reuniu muitos participantes

MANHUMIRIM (MG) - Nos dias 21 a 23 de julho a Associação de Proteção e Assistência aos Condenados, APAC de Manhumirim realizou o II Seminário de Estudos e Conhecimento do Método APAC, no salão da Escola Municipal Carolina Júlia Pereira. O evento teve parceria com o Ministério Público, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais e a Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados, FBAC. A mesa de abertura contou com o Juiz de Direito da Execução Penal em substituição, Rick Bert Biglioni Guimarães, o defensor público Sérgio Pechara dos Santos, a presidente da APAC de Manhumirim Renata Elisa, o inspetor da FBAC Wellington Silva, o Pastor e presidente da APAC de Caratinga Elan Tebas, a vice-presidente da APAC de Manhuaçu Imaculada Dutra e Padre Marcos. Prestigiaram o Seminário, o pastor da Igreja Batista de Calvário, Frank Hudson Pimentel e a vice-presidente da APAC de Caratinga, Maria Inês.

Nos discursos, muitos relatos comoventes, histórias dos desafios enfrentados pelas APACs desde o início de suas formações. E um chamado para que mais voluntários abracem a causa em prol da ressocialização de quem cometeu erros, mas pode ter uma chance de ouro para se recuperar e fazer diferente. Parece impossível, mas o Método APAC consegue e tem provado isto em outras cidades onde o Método está em curso com alto índice de recuperação. Entre outros assuntos, os inscritos aprenderam sobre os 12 elementos fundamentais do Método, sua filosofia e sobre a importância da participação da comunidade na Execução Penal.

Em todos os dias do Seminário, ex-recuperandos deram depoimentos e mostraram que os erros ficaram para trás. Abrilhantando ainda mais o evento, já tão bonito diante da grande participação de voluntários que lotaram o salão, teve apresentação da Banda Novo Caminho, da APAC de Caratinga, composta por funcionários, voluntários e recuperandos.

A presidente da APAC Renata Elisa falou, emocionada, que o Centro de Ressocialização de Manhumirim, sede da APAC está no final da construção e vai ser inaugurado em breve. “Não foi fácil, enfrentamos muitos desafios, mas agora estamos na reta final, porque tivemos apoio de toda a comunidade”, disse Renata.

O evento contou, também, com a participação do cantor da Renovação Carismática Católica, Eros Biondini.