Portal Manhuamirim

Saúde

14/04/2017

Reunião em prol da Saúde de Manhumirim

MANHUMIRIM – No final da tarde desta quinta-feira (6), aconteceu na Prefeitura de Manhumirim, um encontro de prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e secretários municipais com o representante do Governo do Estado, o superintendente de monitoramento de Saúde, Euclydes Petersen.

Entre os municípios participantes, vieram de Tombos (prefeita Luciene Teixeira), Carangola (prefeito Paulo Pettersen), Caiana (prefeito Maurício Ferreira), Matipó (prefeito Valter Ornelas), Martins Soares (prefeito Fernando Almeida), Santana do Manhuaçu (prefeita Rosa Luzia Assis), Alto Jequitibá (vice-prefeito Alex Dorote), Alto Caparaó (prefeito José Gomes e a vice Alcinéia Pinheiro) e Durandé (José Elias Rodrigues).

Compondo a mesa ao lado do superintendente, o prefeito Luciano Machado, o presidente da Câmara de Manhumirim, Sérgio Borel, o prefeito de Carangola Paulo Pettersen e o vice-prefeito de Manhumirim Carlos Alberto Gonçalves. Também participaram da reunião o secretário municipal de Saúde Robson Feitosa, os vereadores Anderson Dedé, Frederico Franco, Jésus Aguiar, Roberto Bob e Elaine Freire.

ASSUNTOS TRATADOS

Através dos discursos e perguntas feitas ao superintendente, os representantes dos municípios da região disseram que precisam de mais investimento na Saúde pelo Estado e apresentaram alguns problemas, como o vice-prefeito de Alto Jequitibá, Alex Dorote que falou sobre a carência de cirurgias de catarata para pacientes do SUS. Foi respondido que a previsão é fazer cirurgias através de mutirão, em um caminhão que vai passar por alguns municípios.

O prefeito Luciano Machado destacou que é muito importante a união de forças para buscar soluções para uma área tão sensível como é a da Saúde e que vai continuar promovendo o diálogo com outros municípios para buscar parcerias e alcançar os objetivos. Ele destacou que a maternidade de Manhumirim está fechada há dois anos e que a esperança é conseguir que ela seja reaberta.

O presidente da Câmara Sérgio Borel também defendeu a reabertura da maternidade e considerou importante a prefeitura de Manhumirim sediar esse encontro. “Parabenizo o prefeito Luciano Machado pelo empenho na busca de soluções, porque o atendimento aos pacientes é essencial e melhorias na área da Saúde foram compromisso de campanha. Também quero dizer que pode contar com o apoio da Câmara”.

O prefeito de Carangola Paulo Pettersen disse que não é possível alcançar o que seria o ideal: “Não vamos resolver os problemas, mas minimizá-los, e não é só dinheiro que resolve, mas boa vontade e atitude”, disse. Ele também contou que o hospital de Carangola vai ser ampliado e também o de Manhuaçu.

O prefeito de Alto Caparaó, José Gomes perguntou sobre a possibilidade de implantação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) aqui na região. O superintendente respondeu que antes é preciso fazer um levantamento e ver a viabilidade.

O secretário de Saúde de Manhumirim Robson Feitosa perguntou se o Governo de Minas Gerais não está disponibilizando programas ou convênios para inscrição do município. Ele contou que o repasse de recursos é pequeno e que Manhumirim precisa de especialistas nas diferentes áreas médicas para atender a população e citou como exemplo a falta de ortopedistas.

Ao final da reunião o superintendente orientou para que as reivindicações sejam feitas por escrito e afirmou que outros encontros vão acontecer em outros locais para debater as soluções possíveis.

Com informação Viviana Almeida

Fotos Roberto Teixeira