Portal Manhuamirim

Saúde

21/01/2017

Febre Amarela: Paciente do ES morre no hospital em Manhuaçu

MANHUAÇU (MG) - O pedreiro Albenes da Silva Azevedo, 33 anos, morreu na noite desta sexta-feira (20) com suspeita de febre amarela. Albenes é morador de Santa Clara, interior de Ibatiba, no Sul do Espírito Santo. Ele estava internado no Hospital César Leite, em Manhuaçu. A Secretaria de Estado de Saúde do Espírito Santo vai investigar a morte juntamente com o Governo de Minas Gerais.

Familiares informaram que os primeiros sintomas surgiram no último domingo (15). Albenes estava com febre, dor no corpo, vômito, dor de cabeça e começou a ficar de cor amarela. O pedreiro procurou atendimento no Pronto Socorro de Lajinha. Na última quarta-feira, os rins de Albenes paralizaram e ele precisou ser transferido para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), do Hospital César Leite, em Manhuaçu.

A assessoria do Hospital César Leite confirmou a suspeita de febre amarela, mas ressaltou que a causa da morte de Albenes será confirmada após a divulgação do resultado dos exames. A Secretaria de Estado de Saúde do Espírito Santo afirmou que vai investigar a morte do pedreiro juntamente com o Governo de Minas Gerais.

O velório do pedreiro acontece neste sábado (21), na comunidade de Santa Clara.

16 PACIENTES INTERNADOS EM MANHUAÇU

O Hospital César Leite informou que o número de pacientes internados com suspeita de febre amarela subiu para 16. Nesta sexta-feira, a unidade hospitalar recebeu mais duas pessoas do município de Simonésia e uma de Caputira.

Permanecem internados em leitos de terapia semi-intensiva ou UTI, pacientes das seguintes cidades: Ipanema (3), Simonésia (4), Manhuaçu (2), Santana do Manhuaçu (2), Caputira (1), Lajinha (1), Mutum (1), São José do Mantimento (1) e Pocrane (1).

Carlos Henrique Cruz - Com informações de Geizy Gomes e Diony Silva