Portal Manhuamirim

Cidades

12/08/2016

ADESC mobiliza cidades em favor da ampliação do Corpo de Bombeiros

MANHUAÇU (MG) - A Agência de Desenvolvimento Econômico e Social da Região do Caparaó (ADESC) promoveu reunião com representantes de prefeituras e associações comerciais da região com o Corpo de Bombeiros nesta quinta-feira, 11/08, na Câmara de Manhuaçu. O objetivo é mobilizar junto aos órgãos de segurança e defesa social do governo de Minas Gerais para elevar o Terceiro Pelotão do Corpo de Bombeiros de Manhuaçu ao status de Companhia.

Com esta finalidade, o presidente da ADESC André Farrath se reuniu com o comandante da Companhia Independente do Corpo de Bombeiros de Ipatinga, Major Nunes, e o Comandante do Pelotão do CBMMG Tenente Flávio Mota e representantes das prefeituras de Manhuaçu – prefeito Nailton Heringer, de Mutum – Prefeito João Batista Marçal, de Espera Feliz – prefeito Carlos Cabral, Lajinha – vice-prefeito Sérgio Corrêa, e dos municípios de Reduto, Simonésia, Luisburgo, bem como os presidentes da ACIAM Marcel Magalhães e da Associação Comercial e CDL de Mutum Karone Marllus e o Secretario de Fazenda do município de Lajinha, Allan Lacerda.

Durante o encontro, os participantes expuseram a vontade da região em elevar a unidade de Manhuaçu para o status de companhia. Outra demanda, num segundo momento, é a instalação de novos pelotões, já que a região é muito grande para ser coberta.

“Enxergamos esse desejo como um projeto possível. Vamos levar ao Comando Geral a demanda de Manhuaçu de ser elevada a Companhia e futuramente até de Companhia Independente. Com isso, passa-se a ter necessariamente outros pelotões subordinados a essa estrutura. Temos municípios da região que são alvo futuro de instalação de pelotão, como por exemplo, em Mutum e Espera Feliz”, detalhou o Major Nunes.

Segundo o oficial, o encontro mostrou “uma coesão muito grande da região e o desejo da comunidade política em torno desse objetivo. Esse é o primeiro passo e vamos nos empenhar para que seja viabilizado”.

ESTRUTURA

A mudança é importante para o crescimento da região. Além da estrutura física, com a Companhia, novos pelotões serão instalados. Isso significa melhoria no tempo de atendimento. Atualmente, Manhuaçu responde por 24 municípios. A distância de Mutum e Espera Feliz é reconhecida como uma dificuldade, em especial em casos de acidentes.

O Tenente Flávio Mota fez uma breve apresentação da estrutura do Corpo de Bombeiros de Manhuaçu, que funciona há dez anos, bem como as mudanças e vantagens da elevação. “Observamos que a demanda da região ultrapassa a unidade aqui instalada, que é o Pelotão. A elevação ao status de Companhia irá ampliar o número de viaturas e militares e a abertura de novos pelotões”.

Para o presidente da ADESC, André Farrath, esse projeto merece o empenho de toda a classe política: “Quem ganha com a transformação do Pelotão somos nós que moramos na região. O Corpo de Bombeiros poderá atender uma demanda maior. Existe a vontade da corporação de trazer essa companhia para Manhuaçu. Sem a vontade política, dificilmente esse projeto não será viabilizado tão cedo. A mobilização dos atores políticos pela ADESC é justamente para mostrar esse projeto e pedir o empenho deles”.

Ao final da reunião foi marcado um encontro em que serão convidados os prefeitos das 24 cidades da região para o dia 15 de setembro. A demanda será tema da “Carta do Território Caparaó” que será oficializada e encaminhada ao Governo de Minas e ao Comando do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais.

Carlos Henrique Cruz | Jailton Pereira - portalmanhumirim@gmail.com - Whatsapp 33 999 509 609